Teatro Popular apresenta espetáculo de Dança Flamenca

Na próxima sexta-feira, dia 26, a Fundação Rio das Ostras de Cultura apresenta o espetáculo “La Guitarra Y La Bailarina”, de dança Flamenca, com a bailarina Luciana Dutra, que estará acompanhada do maestro violonista Josué Marins, do percussionista e luthier Alejo e do cantor Diego Zarcón. O show acontece no Teatro Popular e está previsto para começar às 20h.

De acordo com Luciana, esta montagem é destinada ao público apaixonado pela “Arte” em geral e não somente por um estilo específico. Um espetáculo que, apesar de representar o tradicional, não se prende a nada em concreto.

Na realidade, “La Guitarra Y La Bailarina” está cheia de referências históricas e coreográficas da música e dança espanhola. Referências como Francisco Tárrega, Manuel de Falla, Federico García Lorca e Isaac Albéniz.

Mesmo dando a devida importância à nostalgia que envolve a história acadêmica, literária e musical da dança espanhola, o roteiro do espetáculo não abre mão da busca individual de cada artista em cena.

WORKSHOP – Antes do espetáculo, às 14h, a bailarina Luciana Dutra vai promover um workshop gratuito de Flamenco, onde será trabalhada a técnica básica de Flamenco. As inscrições para quem estiver interessado em participar e aprender a dança, cujas origens remontam às culturas cigana e mourisca, com influência árabe e judaica, devem ser feitas até o dia 25, pelo telefone (22) 98838-5827.

FICHA TÉCNICA

DIREÇÃO ARTÍSTICA E CRIAÇÃO: Luciana Dutra

INTÉRPRETES: Luciana Dutra

DANÇA E CASTANHOLAS Josué Marins

VIOLÃO Diego Zarcón

CANTE Alejo

PERCUSSÃO ARRANJO MUSICAL Josué Marins Alejo Diego Zarcón

COREOGRAFIAS Luciana Dutra

DESENHO DE VESTUÁRIO Luciana Dutra

TÉCNICA ILUMINAÇÃO E SOM Thiago Silva Produção

AUDIO VISUAL Luís Simpson Samuel Marin

FLAMENCO – O flamenco não é só dança, mas também música, tendo ele um estilo tipicamente espanhol. É uma manifestação cultural que está relacionada à comunidade autônoma de Andaluzia, a cidade de Múrcia e a região de Estremadura, possuindo influência árabe, judaica e cigana.

Originalmente, o flamenco consistia apenas de canto (cante) sem acompanhamento. Depois, começou a ser acompanhado por violão ou guitarra (toque), palmas, sapateado e dança (baile). O toque e o baile podem também aparecer sem o cante, embora o canto permaneça no coração da tradição do flamenco.

Compartilhe essa notícia:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Veja também...