Dia do Samba tem programação especial “No Quintal” da Casa de Cultura

Nesta quinta-feira, dia 2, é comemorado o Dia do Samba e a Fundação de Cultura promove uma edição especial do Projeto “No Quintal” na Casa de Cultura Bento Costa Jr para celebrar esse ritmo genuinamente nacional, que é admirado por grande parte do povo brasileiro. Afinal de contas, como bem escreveu Dorival Caymmi, “Quem não gosta de samba, bom sujeito não é. É ruim da cabeça ou doente do pé”.

A programação começa às 17h com a apresentação dos Blocos Carnavalescos Torresmo e Siri com Câimbra. Em seguida, o Grupo Samba da Madeira vai à proporcionar a plateia presente uma autêntica roda de samba de raiz, com muitos sucessos de Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz, Fundo de Quintal e de outros “bambas” consagrados.

Nas dependências da Casa também haverá artesanato e degustação de acarajé da Baiana Ilma, tapioca, brigadeiros e bolo de pote.

ORIGEM DO SAMBA – O samba é um gênero musical que surgiu no Brasil, no começo do século XX, e é reconhecido nacional e internacionalmente como um dos símbolos do país. Essa expressão cultural é considerada patrimônio cultural imaterial brasileiro e surgiu nas comunidades de afro-brasileiros em alguns bairros do Rio de Janeiro.

O samba originou-se dos antigos batuques trazidos pelos africanos que vieram como escravos para o Brasil. Esses batuques estavam geralmente associados a elementos religiosos que instituíam entre os negros uma espécie de comunicação ritual por meio da música e da dança, da percussão e dos movimentos do corpo.

Compartilhe essa notícia:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Veja também...