Fundação de Cultura convida para edição de maio do Projeto “Choro de Maria

Dando continuidade ao Projeto “Choro da Maria”, que é realizado sempre no primeiro domingo de cada mês, a Fundação Rio das Ostras de Cultura convida os amantes da boa música para prestigiar a roda de choro do Projeto que será realizada neste domingo, dia 1º de Maio, na Praça São Pedro, no Centro, a partir das 18h.

Os convidados deste domingo serão os músicos Dalton Freire e Marina Bonfim, que serão acompanhados por André Bellieny (violão), Márcio Moraes (cavaquinho), Anderson Santos (pandeiro) e Luiz Felipe Oliveira (flauta).

Idealizadora do projeto, a presidente da Fundação Rio das Ostras de Cultura, Cristiane Regis,

reforça o convite para todos os riostrenses e visitantes que estiverem na Cidade. “Este é um evento realizado em homenagem a uma antiga comerciante que sempre apoiou os eventos ligados ao Chorinho. O importante é que, a cada edição, o número de pessoas assistindo e curtindo a roda aumenta. Embora tenha cadeiras disponíveis, as pessoas podem trazer  a sua própria cadeira de praia ou sua esteira para curtir o show da melhor forma possível ”, declarou a presidente.

CONVIDADOS

Dalton Freire – saxofonista, flautista, cantor e compositor. Iniciou seus estudos no clarinete, e depois passou para o saxofone e adicionou a flauta transversal. Liderou vários grupos de música instrumental em Campos dos Goytacazes. Também participou do Summer Jazz Workshop, na cidade de Louisville- Kentucky, promovido pelo educador Jamey Aebersold.   Liderou a Banda do Clube do Jazz e Bossa, tendo tocado com vários artistas renomados do cenário da música instrumental brasileira. Formado em saxofone pela UFRJ, se apresentou com a UFRJAZZ Ensemble durante cinco anos, em shows no Rio de Janeiro e várias cidades do Brasil.

Marina Bonfim – professora de música do Centro de Formação Artística, dando aulas de flauta e saxofone para o curso básico e técnico da Onda. Mestra em Etnomusicologia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), graduada em Música (Licenciatura) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e técnico em flauta transversa pela Marinha do Brasil.  Exerceu a função de instrutora de música dos cursos de formação e aperfeiçoamento de sargentos músicos da Marinha do Brasil, nas disciplinas História da Música e Prática de Banda (2013 e 2014). Participou como flautista e percussionista nos grupos instrumentais Quinteto Juriti, Os Brasilianos e Conjunto Experimental Retreta do Apocalipse (2010 a 2013). Integra o Regional Tocata do Rio, grupo de chorões tradicionais cariocas, atuante desde 2008 na Lona Cultural Jacob do Bandolim.

Compartilhe essa notícia:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Veja também...