Fundação de Cultura solicita que profissionais da área atualizem seus cadastros

Na última semana, o Congresso Nacional derrubou o veto integral do presidente Jair Bolsonaro referente às leis Paulo Gustavo e Aldir Blanc 2 de apoio à cultura foram derrubados pelo Congresso Nacional, de forma integral. Em março, a medida havia sido aprovada por ampla maioria na Câmara. As duas leis têm como objetivo ajudar o setor cultural que foi severamente atingido pelas medidas de prevenção na pandemia.

Por conta disso, a Fundação Rio das Ostras de Cultura solicita que os artistas, grupos, coletivos e equipamentos culturais atualizem seus cadastros no site da própria Fundação (www.fundacaoriodasostrasdecultura.rj.gov.br) para que ninguém fique de fora dessa oportunidade e deixe de receber os recursos federais.

A proposta da Lei Aldir Blanc 2 é da deputada Jandira Feghali (PCdoB/RJ). Agora, a lei garante R$ 3 bi anuais para que 17 grupos de eventos culturais sejam contemplados, por meio de editais, premiações, chamadas públicas, compras de bens e serviços, entre outros procedimentos da Secretaria de Estado da Cultura.

Já a Lei que leva o nome do humorista Paulo Gustavo, de autoria do senador Paulo Rocha (PT-PA), vai transferir R$ 3,86 bi do FNC (Fundo Nacional de Cultura) para estados e municípios. Deste valor, R$ 2,79 bi serão destinados às ações do setor audiovisual. Já R$ 1,06 bi terão como destino as operações emergenciais no setor cultural.

Compartilhe essa notícia:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Veja também...