Rio das Ostras recebe espetáculo “Carrilhão” que mistura teatro e circo

Neste sábado, dia 21, a criançada vai poder curtir uma grande atração na Cidade. A trupe do Coletivo Nopok apresenta, na Concha Acústica, na Praça São Pedro, a partir das 19h, o espetáculo “Carrilhão”. A apresentação faz parte da turnê Cáfila, que está percorrendo vários municípios do Estado. O espetáculo foi contemplado no Edital Retomada Cultural 2, da Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa e conta com o apoio da Fundação Rio das Ostras de Cultura.

O público vai conferir uma verdadeira fusão das linguagens do circo e do teatro, onde a dupla de artistas, Fernando Nicolini e Daniel Poittevin, se desdobra entre diversos personagens e narrativas, trazendo alegorias de diferentes culturas e épocas.

“Carrilhão fala dos mercadores de todos os tempos e lugares. Mascates de hoje, de ontem e de amanhã. Fala da paixão pela charla, do encantamento pelas palavras e pelas ações, e do feitiço inerente a um bom vendedor. Pontua o valor das trocas e dos encontros que se estabelece nas negociações. Ao adquirir algo, o que se comprou foi o produto ou foram as palavras? Compraram-se os olhos, o sorriso e a simpatia do negociante? Compra-se ou se é comprado? Adquire-se ou se é arrebatado? Que valor tem as coisas? Alguns números circenses ganham destaque, como a Parada de Mão, o Rola Rola e os Monociclos Altos”, explicou Daniel.

O Coletivo Nopok foi criado em 2007 e é formado pelo uruguaio Daniel Poittevin e o brasileiro Fernando Nicolini. A dupla se dedica à construção de uma linguagem própria dentro do universo do circo e da comicidade. Sua trajetória evidencia aspectos centrais para a elaboração do seu trabalho, como a mistura de linguagens e de habilidades, o contato direto com o espectador e a capacidade de adaptar-se a diferentes espaços e ocasiões.

Em 12 anos de estrada o Nopok construiu um repertório ativo de três espetáculos: No Pocket – Um Espetáculo para Todos os Bolsos (2009), Deslizes (2013) e Carrilhão (2015), diversos números e cenas, e uma vasta gama de outras atividades relacionadas à arte circense. O Nopok tem como foco a pesquisa continuada em circo e atua com seus espetáculos, números e oficinas em diferentes frentes: realização de projetos próprios, participação em festivais, mostras e encontros, venda e circulação dos seus espetáculos, e a realização de festivais e convenções de circo.

Caso chova, o espetáculo será realizado no Centro de Formação Artística de Música, Dança e Teatro.

SERVIÇO

O CARRILHÃO

Dia: sábado – dia 21 de janeiro

Horário: 19h

Local: Concha Acústica – Praça São Pedro – Centro

Classificação Livre

Entrada Franca

FICHA TÉCNICA

Direção e Dramaturgia – Daniela Carmona e Adriano Basegio

Elenco – Fernando Nicolini e Daniel Poittevin

Figurino – Karla Tavares

Cenário e adereços – Raquel Theo

Cenotécnico – Diogo Magalhães

Costureira – Vicentina Mendes

Trilha Sonora – Alexis Graterol e Adriano Basegio

Operação de Som – Alexis Graterol

Designer Gráfico – Caco Chagas

Fotografia – Renato Mangolin

Projeto – Márcia Nunes e Coletivo Nopok

Produção – Márcia Nunes

Compartilhe essa notícia:

Veja também...

Cadastro realizado com sucesso

Cadastro realizado com sucesso